3 dicas de como se dar bem em apresentações orais

Como se dar bem em apresentações orais

Muitas vezes precisamos fazer apresentações orais, mas não sabemos como organizar as ideias de modo claro e objetivo. Seja por timidez, seja pela falta de prática de falar em público, fazer trabalhos que exijam essa exposição podem ser um tanto difíceis, mas não são nenhum bicho de sete cabeças. Por isso, reunimos aqui algumas dicas para você se dar bem em apresentações orais e conseguir um bom desempenho.

Construa um roteiro topificado da sua apresentação

Esqueça os textões e aposte nos tópicos. A utilização de tópicos ajudam na organização das ideias, pois criam um mapa mental de como você irá fazer a abordagem do assunto a ser apresentado. Uma coisa importante é utilizar palavras-chave, pois elas irão trazer as questões principais do tópico da sua apresentação. Se você dispuser de equipamentos tipo data-show, isso vale para seus slides, caso não, é recomendado que você utilize fichas pautadas, para ir olhando seus tópicos durante sua fala.

Utilize recursos lúdicos

Para uma apresentação oral de seminário acadêmico por exemplo, além da explanação verbal, é interessante que o estudante ou profissional utilize meios que fujam um pouco da fala e possam explorar outras possibilidades, como o uso de recursos que podem ser feitos em programas específicos para apresentações. No entanto um grande erro que diversos estudantes e profissionais cometem, é utilizar textos extensos nas apresentações visuais, acreditando que isto, irá garantir que todas os pontos relevantes sejam abordados. Muitas vezes o uso de ícones, infográficos e vídeos, podem ser melhores do que explicações orais. Quando as falas são muito longas, tendem a ficar cansativas e dispersar o ouvinte. Existem plataformas gratuitas que oferecem a possibilidade de criação de apresentações de uma maneira mais dinâmica e com layouts visualmente atrativos, a exemplo do Prezi e do Piktochart. A utilização desses recursos, ajudam a deixar tudo mais criativo, movimentado e interessante, mantendo os expectadores atraídos pelo seu conteúdo.

Planeje o tempo da sua apresentação e ensaie sua fala

Uma pessoa prevenida vale por duas, já diz o ditado, e para apresentações orais não é diferente. Isso que dizer que o ensaio permite que você consiga realizar os ajustes necessários antes do dia de sua explanação. Procure fazer sua fala na frente do espelho, para ir observando como está a sua desenvoltura oral e sua postura, pois ambos interferem no seu resultado final. Fale pausadamente, e busque articular as palavras de acordo com o roteiro topificado que você construiu, pois, dessa maneira você ficará consciente do tempo que você leva para explicar cada tópico e ajustar quando necessário.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *