Saiba como conquistar a recolocação profissional

Dados da pesquisa Pnad Covid-19, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), revelam que, entre os meses de maio e agosto, o desemprego no Brasil aumentou cerca de 27,6 %

Os impactos causados pela pandemia do novo coronavírus atingiram bastante os trabalhadores. Dados da pesquisa Pnad Covid-19, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), revelam que, entre os meses de maio e agosto, o desemprego no Brasil aumentou cerca de 27,6 %.

O levantamento também mostra que, em um recorte por gênero, o número de mulheres sem trabalhar é superior aos homens. Em um momento de instabilidade, ficar fora do mercado de trabalho é desanimador.

No entanto, muitos profissionais estão em busca de uma nova oportunidade e da tão sonhada recolocação. O psicólogo e profissional da área de recursos humanos Cleyson Batista ressalta que o principal pensamento para quem quer retornar ao mercado de trabalho deve começar pelo planejamento e programação.

“Quando o profissional está fora do mercado de trabalho e quer entrar, ele deve ter a percepção de que só vai conseguir voltar para uma condição melhor do que estava a partir da preparação intelectual, social e, principalmente, profissional.

Além disso, é preciso investir em cursos de qualificação, se tiver tempo, e buscar informações sobre as oportunidades que estão aparecendo, vincular-se a sites, redes profissionais, como o LinkedIn”.

Currículo mal elaborado e ansiedade atrapalham o processo

Ele também pontua acerca dos principais erros cometidos por quem se encontra nessa busca.

“A falta de elaboração de um bom currículo é o principal erro de quem quer a recolocação profissional. Seria importante que as pessoas que querem voltar ao mercado de trabalho evitar o erro de elaborar um currículo, simplesmente, por fazer. Ou seja, um currículo padrão disponível no Office, por exemplo. É necessário adequar esse documento ao modelo que o mercado está procurando”.

Ademais, Cleyson ressalta que a falta de preparação para a seletiva, a qual ele aponta ser causada pela ansiedade em excesso, atrapalha o processo de retorno às atividades laborais.

Como conquistar a recolocação profissional?

“Neste processo é muito importante procurar um profissional para ajuda. Ou seja, tanto profissionais de RH, como da área da psicologia organizacional em universidades, que conta com profissionais qualificados para orientar”, salienta.

Neste momento, de acordo com o psicólogo, divulgar o currículo com toda rede profissional, de networking, é importante. “Quanto mais você ampliar, divulgar o seu currículo, maior será a chance de recolocação profissional.

“Um outro ponto importante é sobre a preparação. O processo seletivo exige planejamento, estruturação, uma preparação psicológica e emocional para que você possa passar por todas as etapas de forma qualificada, proativa e sempre demonstrando que você pode ser a solução para aquela vaga que a empresa está buscando” explica.

O importante é não desanimar

“É importante as pessoas estarem cientes e preparadas para alcançar a recolocação, terá um número de vagas negadas. Pois, existem muitos profissionais no mercado, muita gente qualificada. Mas, uma coisa é certa, a sua hora vai chegar. Se há uma boa preparação, pesquisa sobre o mercado, uma boa preparação do currículo, está inscrito em grupos e redes profissionais as oportunidades aparecem”, expõe Cleyson Batista.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.